Plataforma de Mobilidade Profissional Global – Engenheiros e Enfermeiros no estrangeiro mais próximos de Portugal

O ACM, a Ordem dos Engenheiros, a Ordem dos Enfermeiros e a Fundação Calouste Gulbenkian apresentaram, no dia 5 de maio, em cerimónia de lançamento, a Plataforma de Mobilidade Profissional Global. Esta nova ferramenta online, que irá promover e divulgar oportunidades de trabalho, nas áreas de Engenharia e Enfermagem, em Portugal e no exterior, está já em pleno funcionamento.

A cerimónia, realizada nas instalações da Ordem dos Engenheiros, contou com a presença do Alto-comissário para as Migrações, Pedro Calado, e dos representantes das instituições promotoras do projeto nomeadamente, o Bastonário da Ordem dos Engenheiros, Carlos Matias Ramos, a Diretora do Programa Gulbenkian de Desenvolvimento Humano, Luísa Valle, e a Vice-Presidente do Conselho Diretivo da Ordem dos Enfermeiros, Graça Silveira Machado.

Pedro Calado realçou o facto deste ser “um primeiro passo” para criar uma ligação do país aos profissionais destas áreas a exercer funções em Portugal e no estrangeiro, bem como uma “rede virtual e física, que permita saber onde estão estes portugueses lá fora”. Para o Alto-comissário, esta Plataforma de Mobilidade Profissional será também “muito útil para a internacionalização das empresas portuguesas”.

“O reconhecimento da qualidade do ensino da Engenharia em Portugal”

Luísa Valle sublinhou a contribuição desta nova ferramenta online para “o reconhecimento da qualidade do ensino da Engenharia em Portugal, promovendo essa qualidade pelo mundo fora para também atrair os alunos estrangeiros”. A responsável destaca o valor desta iniciativa, considerando, no entanto, haver “um longo caminho a percorrer (…) mas que nos vai manter muito próximos”, frisou, dirigindo-se aos restantes parceiros.

Através desta ferramenta online, engenheiros e enfermeiros, bem como empresas com atividade relacionada com estas áreas do conhecimento, vão poder disponibilizar os seus dados profissionais nesta Plataforma, que irá servir de apoio à contratação de portugueses altamente qualificados que residam no estrangeiro.

O registo do percurso dos profissionais portugueses no exterior 

Esta iniciativa conjunta tem o objetivo central de promover e divulgar oportunidades de trabalho em Portugal e no exterior, na qual poderão inscrever-se, numa primeira fase, candidatos migrantes licenciados, ou pós-graduados, em Engenharia e em Enfermagem à procura de emprego, assim como empresas nacionais e internacionais, que desejem recrutar este tipo de profissionais, e empresas nacionais que pretendam internacionalizar-se.

Incentivar a criação e o aprofundamento sistemático do registo do percurso dos profissionais portugueses que exerçam a sua atividade profissional no estrangeiro, permitindo a sua caraterização e análise das suas competências e currículo, constitui outro dos objetivos desta Plataforma, que pretende tornar-se um instrumento informativo consistente sobre os recursos humanos portugueses.